PROGRAMA AVANÇADO EM COMUNICAÇÃO PÚBLICA 2021

Aberje (Associação Brasileira de Comunicação Empresarial) e ABCPública (Associação Brasileira de Comunicação Pública) estão atuando juntas no objetivo de valorizar e construir práticas de comunicação que atendam as necessidades de informação e interação da sociedade com o Estado e do Estado com a sociedade. Um dos resultados da parceria é este programa de longa duração (60 horas) com 10 aulas sobre comunicação na área pública, voltado para profissionais da área. Para isso, Aberje e ABCPública reuniram uma equipe de pesquisadores e de profissionais com diferentes trajetórias e formações, com larga experiência na interação entre Estado, mercado e sociedade. Eles vão discutir casos e apresentar visões e práticas a partir do novo ecossistema informativo em busca de uma comunicação estratégica, protagonista, atualizada e eficiente, voltada para um cidadão cada vez mais ativo e exigente. O curso terá aulas, seminários, debates e produção de conteúdo para acesso público sobre experiências e conhecimento de professores e alunos. Convidamos você a participar desse processo e ajudar a qualificar a comunicação na área pública no Brasil.

Programação 2021

Palestra de abertura: “Informação e desinformação sobre Covid-19 no Brasil”
Com Patrícia Rossini, professora e pesquisadora da Universidade de Liverpool. Mediação: Paulo Nassar (USP/Aberje)

Painel: “O que aprendemos sobre comunicação enfrentando a Covid-19”
Com Emily Gonçalves, coordenadora de Comunicação da Secretaria de Estado de Saúde de São Paulo; Elisa Andries, coordenadora de Comunicação Social da Fiocruz; Isabel Raupp, chefe da Assessoria de Comunicação da Anvisa; e Ricardo Azeredo, coordenador da Assessoria de Imprensa da Secretaria Municipal de Saúde de Porto Alegre. Mediação: Jorge Duarte (Embrapa/ABCPública), curador do curso


Os encontros serão online, através do ZOOM.
Pedimos, por favor, que baixem o aplicativo gratuito ZOOM em seus computadores, tablets ou celulares – https://zoom.us/download


Desafios dos novos tempos:

O que mudou na comunicação nos últimos 12 meses e pra onde a estamos indo?

Gerenciando uma crise permanente

Estratégia e Planejamento em Comunicação Pública
Data: 22 e 29 de maio de 2021 (sábado), das 14h às 17h (6 horas)
Instrutora: Cláudia Lemos

Os encontros serão online, através do ZOOM.
Pedimos, por favor, que baixem o aplicativo gratuito ZOOM em seus computadores, tablets ou celulares – https://zoom.us/download

1) Introdução sobre a importância do tema
Na maioria das organizações públicas, o planejamento estratégico foi incorporado aos métodos, ou pelo menos ao discurso sobre gestão. Apesar disso, as equipes de comunicação têm dificuldade em extrair resultados da nova cultura, seja porque os profissionais da área vêem os instrumentos de planejamento como burocráticos e incompatíveis com o ritmo das demandas da área, seja porque esses métodos são de fato pouco adaptados à comunicação. Entretanto a exigência cada vez maior de resultados, a restrição de recursos e o ambiente de profundas mudanças na comunicação e na política impõem a necessidade de avaliar e aperfeiçoar o trabalho desenvolvido. É para isso que o curso pretende contribuir, apresentando recursos de planejamento formatados de maneira que seja viável sua aplicação no setor público brasileiro.

2) Objetivos do curso

  1. Sensibilizar os alunos para a eficácia do planejamento como recurso para melhorar resultados de iniciativas de comunicação pública.
  2. Familiarizar os alunos com metodologias de planejamento em comunicação.
  3. Capacitar os alunos a empregar metodologias simplificadas de planejamento em comunicação pública.

3) Programa do curso
Políticas, programas, planos e projetos em comunicação. Etapas do planejamento. Estratégia e planejamento em comunicação. Relacionamento com stakeholders. Comunicação e estratégia organizacional. Os modelos de comunicação. Comunicação integrada: a operacionalização. Avaliação em comunicação.

4) Benefícios para os participantes
Ao participar deste curso, o aluno conhecerá técnicas de planejamento de aplicação prática em comunicação e irá experimentar como utilizá-las. Também serão apresentados exemplos de uso dessas técnicas para melhorar os resultados das instituições.

5) A metodologia aplicada
O curso incluirá indicações de leituras prévias e posteriores sobre metodologia de planejamento e estudos de casos, aula expositiva, exercícios individuais e em grupo.

Adquirir módulo

Comunicação Pública e relações com as mídias: muito além de assessoria de imprensa
Data: 12 e 19 de junho (sábado), das 14h às 17h (6 horas)
Instrutor: Jorge Duarte

Os encontros serão online, através do ZOOM.
Pedimos, por favor, que baixem o aplicativo gratuito ZOOM em seus computadores, tablets ou celulares – https://zoom.us/download

1) Introdução sobre a importância do tema
Relacionamento com a imprensa é desafio relevante para organizações públicas há algumas décadas e, muitas vezes, uma das atividades mais críticas. Nos últimos anos, com as transformações no ecossistema de informação, a atividade aprofundou a necessidade de qualificar a relação com jornalistas e, particularmente, a maneira como organização e fontes interagem com a sociedade. As transformações exigem novas estratégias, instrumentos e formas de atuação de maneira a garantir a qualidade da informação à sociedade, mediada ou não pela imprensa. É o que será tratado no curso

2) Objetivos do curso
Contribuir para a qualificação e crescimento profissional dos participantes, capacitando-os para atuar de maneira proativa e estratégica na gestão e operacionalização da comunicação
Capacitar em práticas de atendimento à imprensa e relacionamento com veículos de comunicação e jornalistas
Capacitar no desempenho do novo papel estratégico da imprensa para informação ao cidadão e divulgação da atividade pública
Compreender o papel, potencial e uso dos instrumentos de relacionamento com a imprensa;
Qualificar a relação com jornalistas, dirigentes em busca da melhor informação à sociedade

3) Programa do curso
Estratégia em Comunicação: o que é e como fazer
As transformações no sistema de informação e a atuação do assessor de imprensa
Estratégia em assessoria de imprensa
Mensagens: capacitando porta-vozes institucionais
Discussão de questões apresentadas pelo grupo

4) Benefícios para os participantes
O participante deverá passar a ter uma visão abrangente e atual do papel estratégico, responsabilidade, atuação e possibilidades dos profissionais de comunicação em sua atuação para relacionamento e informação com jornalistas e na informação a seus públicos e à sociedade.

5) A metodologia aplicada
Apresentação expositiva com diálogo entre palestrante e participantes

Adquirir módulo

Gestão de riscos e crises em comunicação: uma agenda permanente
Data:  26 de junho e 3 de julho (sábado), das 14h às 17h (6 horas)
Instrutor: Armando Medeiros de Faria

Os encontros serão online, através do ZOOM.
Pedimos, por favor, que baixem o aplicativo gratuito ZOOM em seus computadores, tablets ou celulares – https://zoom.us/download

1) Ementa:
Desafios teóricos e práticos. Conceituação básica: cisne negro e o padrão crise” na comunicação. A convergência de riscos: mídia tradicional e digital. Poder público e política no Brasil: mapeamento de riscos. Lições sobre o inesperado.

2) Justificativa:
Na administração pública – objeto de intensa cobertura da imprensa e novas mídias, alvo das ações de fiscalização de agências reguladoras e órgãos de controle, de grupos de pressão e da atividade parlamentar – a gestão de riscos é agenda permanente. A admirável capacidade de multiplicação desordenada de conteúdos e a consolidação de novos formatos de informação, geram redobrado cuidado sobre a reputação das instituições e de suas lideranças. Como enfrentar à catástrofe da exposição negativa e como resistir aos impactos de eventos críticos? É possível antecipar e prever? Embora instrumentos de prevenção e mitigação de crises sejam imprescindíveis, os riscos no novo ecossistema informativo – cuja característica central é a velocidade – desafiam as respostas tradicionais. Deve-se levar em conta o aleatório, a permanente incerteza e o impacto de algo não previsto. A qualificação dos gestores da área de comunicação para o gerenciamento de crises consiste, sobretudo, na capacidade de construir estratégias de resilência.

3) Objetivos do curso:
Proporcionar capacidade teórica-analítica para compreender a especificidade das crises de comunicação na esfera das instituições e órgãos do Estado;
Permitir ao gestor a identificação correta sobre a gênese das crises e os desdobramentos imediatos (ações reativas e proativas);
Consolidar a cultura preventiva (planejamento) e apresentar instrumentos e ferramentas úteis para o gerenciamento de crises (planos de emergência/contingência, manuais, etc.);
Estudar e comparar diferentes situações de crise;
Captar as estratégicas dos atores sociais e grupos de pressão durante os processos de crise de comunicação;
Qualificar os agentes públicos para atuar estrategicamente em situações de crise;

4) Benefícios/resultados esperados:
Ao final do módulo os gestores de comunicação estarão mais habilitados para:
enfatizar mais a gestão de riscos (identificar e conhecer, mapear);
incorporar a dimensão “política” no gerenciamento de crises;
desenvolver políticas e práticas de atuação inspiradas nos princípios apresentados: incorporar no dia-a-dia profissional as modernas ferramentas de gestão de comunicação em situações de crise;

5) Programa do curso:
Revisão de conceitos:
a relevância do desconhecido.
A administração pública: riscos políticos e de gestão/formulação de políticas públicas.
Como lidar com a vulnerabilidade e incertezas da política.
Instrumentos e procedimentos: qual melhor modelo para antecipar, reagir e sobreviver.
Lições práticas: a necessidade de cultivar a resiliência.

6) Metodologia aplicada:
Exposições; debates; sessões de vídeos; discussão de situações práticas no cotidiano da comunicação pública;

7) Indicações bibliográficas:
TALEB, Nassim. A lógica do cisne negro: o impacto do altamente improvável. Rio de Janeiro. Editora BestBusiness, 2018.
WEBER, Maria Helena; COELHO, Marja Pfeifer e LOCATELLI, Carlos (org.). Comunicação pública e política: pesquisas e práticas. Florianópolis, Ed. Insular, 2017.
THOMPSON, John B. O escândalo político: poder e visibilidade na era da mídia. Rio de Janeiro, Editora Vozes, 2002.

Adquirir módulo

Comunicação Pública Digital: gestão, estratégias e operacionalização
Data:  17 e 24 de julho de 2021 (sábado), das 14h às 17h (6 horas)
Instrutora: Érica Abe

Os encontros serão online, através do ZOOM.
Pedimos, por favor, que baixem o aplicativo gratuito ZOOM em seus computadores, tablets ou celulares – https://zoom.us/download

1) Introdução sobre a importância do tema
A comunicação pública está fortemente impactada pela cultura digital. No Brasil, mais de 60% da população acessa a internet com frequência, sendo que a maior parte dela utiliza celulares para isso – o que facilita o acesso à rede mundial de computadores. Essa forte adoção do comportamento digital pela população faz com que os entes públicos sejam demandados por soluções que utilizem ferramentas dessa nova comunicação pelo cidadão. Esses recursos devem não só integrar a estratégia geral de comunicação, mas também ter uma estratégia própria da produção digital, contemplando as especificidades deste meio.

2) Objetivos do curso
Apresentar a cultura digital e seu impacto no ambiente da comunicação pública
Estimular a reflexão sobre os caminhos profissionais e das organizações, desenvolvendo capacidade de planejar e gerenciar projetos de comunicação digital
Indicar metodologias que para a construção de planejamento e ações focadas no mundo digital

3) Programa do curso
O universo e a cultura digitais. Características da sociedade em rede.
Comunicação Pública Digital e Comunicação Pública Integrada.
Profissionalização do mercado de trabalho: novos profissionais e novos produtos
Estratégias para comunicação digital. Monitoramento. Produção de conteúdo. SAC 2.0
Ferramentas de interação com o cidadão: plataformas, aplicativos, redes sociais, etc.

4) Benefícios para os participantes
Ao concluir o curso, o participante será capaz de elaborar estratégias de comunicação utilizando ferramentais digitais, de maneira isolada ou integrada com outras ações de comunicação. Também estará apto a contratar e supervisionar a qualidade de contratos de serviço de comunicação digital.

5) A metodologia aplicada
Aulas expositivas. Apresentações de cases.

Adquirir módulo

Mensuração da Comunicação na área pública
Data:  31 de julho e 14 de agosto de 2021 (sábado), das 14h às 17h (6 horas)
Instrutora: a definir

Os encontros serão online, através do ZOOM.
Pedimos, por favor, que baixem o aplicativo gratuito ZOOM em seus computadores, tablets ou celulares – https://zoom.us/download

1) Introdução sobre a importância do tema
A gestão da comunicação nas organizações contempla atividades de planejamento, execução e controle de resultados, avaliando a sua contribuição para a estratégia do negócio. Entender quais são os instrumentos de medida de resultados faz parte das competências exigidas de um profissional de comunicação. É fundamental que ele tenha uma base teórica de excelência para escolher a melhor metodologia de mensuração dos resultados de programas, projetos, campanhas e meios de comunicação.

2) Objetivos do curso
Contextualizar a mensuração de resultados de comunicação.
Discutir possibilidades de avaliação das ações de comunicação.
Capacitar o comunicador a gerenciar pesquisas/mensuração.
Construir um modelo de questionário de avaliação.
Simular mensuração de comunicação.
3) Programa do curso

Conceitos básicos de mensuração
A importância do planejamento
Métodos de abordagem para coleta de dados
Definição de performance por tipo de indicador
Modelos de mensuração
Efetividade, eficiência e eficácia
Análise dos resultados
ROI aplicado a ações de comunicação para públicos interno e externo
Como medir um projeto de comunicação

4) Benefícios para os participantes
Desenvolver e/ou aprimorar competências de mensuração em projetos de comunicação na área pública.

5) A metodologia aplicada
Exposição oral dialogada, estudo de caso, simulação.

Adquirir módulo

Gestão da Comunicação Interna: informação e diálogo com empregados da área pública
Data: 21 e 28 de agosto de 2021 (sábado), das 14h às 17h (6 horas)
Instrutor:  Carlos Netto

Os encontros serão online, através do ZOOM.
Pedimos, por favor, que baixem o aplicativo gratuito ZOOM em seus computadores, tablets ou celulares – https://zoom.us/download

1) Importância do tema

A gestão da comunicação interna é um desafio para todos os profissionais da área pública. Muitos são os caminhos e as possibilidades a serem adotadas. A cobrança por soluções eficientes e resultados reais aumenta diariamente a pressão nos profissionais de comunicação pública. Serão abordados conceitos e tendências da área de comunicação interna, alguns estudos de casos, mas principalmente as experiências dos profissionais da área pública participantes serão aproveitadas durante o curso para um amplo debate e busca de uma reflexão conjunta.

2) Objetivos do curso

  1. Contextualizar as principais tendências da área de comunicação interna.
  2. Identificar os principais gargalos a serem superados.
  3. Buscar alternativas viáveis e contextualizadas para a realidade da área pública e das organizações participantes.
  4. Apoiar os profissionais que trabalham com a comunicação interna das organizações públicas a identificarem caminhos para aprimorar sua gestão.

3) Programa do curso

  1. Principais tendências da comunicação interna nas organizações públicas.
  2. Reflexões sobre os desafios que os profissionais de comunicação pública enfrentam no seu dia a dia em relação ao diálogo com empregados.
  3. Principais armadilhas e erros na gestão da comunicação interna.
  4. Alternativas para enfrentar a complexidade do dia a dia do trabalho.
  5. Mostra de diversos cases de sucesso com ações diferenciadas e eficientes de comunicação interna

4) Benefícios para os participantes
Os participantes terão a oportunidade de discutir e debater os principais desafios da gestão da comunicação interna na atualidade. Terão a oportunidade de trocar experiências, comentar situações reais e tempo para refletir os seus principais desafios. O dia a dia acaba impedindo uma reflexão mais profunda e um planejamento das principais demandas das organizações.

5) A metodologia aplicada
Trabalharemos com uma metodologia mista. Serão abordados conceitos e tendências da área de comunicação interna, alguns estudos de casos, mas principalmente as experiências dos participantes serão aproveitadas durante o curso para um amplo debate e busca de uma reflexão conjunta.

Adquirir módulo

Gestão de equipes, estruturas e processos de comunicação pública
Datas: Dias 11 e 18 de setembro de 2021 (sábado), das 14h às 17h (6 horas)
Instrutora: Vivian Rio Stella

Os encontros serão online, através do ZOOM.
Pedimos, por favor, que baixem o aplicativo gratuito ZOOM em seus computadores, tablets ou celulares – https://zoom.us/download

1) Introdução sobre a importância do tema
Compor e engajar equipes, lidar com diferentes expectativas e perfis, gerenciar processos e conflitos são alguns dos desafios dos profissionais de diferentes áreas que atuam como líderes, inclusive na área pública. E, muitas vezes, a principal causa do não cumprimento de metas pode ser a falta de habilidade do próprio líder em gerenciar pessoas. Por isso, nesse curso, serão propostas reflexões e atividades para aprimorar essa habilidade. Vale ressaltar que não há uma única forma de lidar com as mais diferentes equipes e situações, mas serão discutidas boas práticas adaptáveis aos mais distintos contextos que envolvem a comunicação pública.

2) Objetivos do curso
Capacitar os participantes a atuar como líder coach e a se comunicar de forma assertiva.
Habilitar os participantes a gerenciar conflitos por meio de atitudes e habilidades de influência e comunicação.
Estimular os participantes a aprimorar sua percepção, empatia e escuta ativa.

3) Programa do curso (temas principais que serão abordados)

  1. Macrotendências da liderança do futuro
  2. Formação de equipe
  3. Diferentes estilos comunicativos (Jung)
  4. Papel do feedback na gestão de equipe
  5. Definição de critérios de avaliação de desempenho e alinhamento de expectativa
  6. O líder comunicador: quem é ele e como age
  7. Assertividade
  8. Escuta ativa
  9. Habilidades comunicativas:
  10. Golden Circle da comunicação
  11. Princípios de eficácia da mensagem: clareza, concisão, adequação, ordenação, relevância e concisão;
  12. Recursos verbais e não verbais que favorecem a comunicação.

4) Benefícios para os participantes
Desenvolver e/ou aprimorar competências comunicativas para estabelecer melhores relações interpessoais, para gerenciar pessoas e processos e para minimizar conflitos.

Aumentar a credibilidade e efetividade da organização graças a uma comunicação assertiva e voltada para a resolução de conflitos e para o bom clima organizacional.

5) A metodologia aplicada
Exposição oral dialogada, estudo de caso, simulação, análise e discussão a partir de cenas de filmes.

Adquirir módulo

Gestão de publicidade, marketing e patrocínio
Datas: Dias 25 de setembro e 2 de outubro de 2021 (sábado), das 14h às 17h (6 horas)
Instrutores: Mariana Montoro

Os encontros serão online, através do ZOOM.
Pedimos, por favor, que baixem o aplicativo gratuito ZOOM em seus computadores, tablets ou celulares – https://zoom.us/download

1) Importância do tema:
Custos e prejuízos envolvendo atraso em entregas, refações, desperdício de energia e dedicação das equipes e adiamento de alcance de resultados configuram grandes desafios à gestão das organizações. Como brifar adequadamente? Como negociar? Como desenvolver um plano estratégico com ações de publicidade, marketing e patrocínios?

2) Objetivos do curso:
Capacitar o gestor de comunicação pública a gerenciar marcas
Promover o exercício do pensamento estratégico da elaboração de briefing em comunicação e marketing, por meio da reflexão sobre o relacionamento entre clientes e fornecedores,
Levar ao entendimento sobre o processo de compartilhamento de significado entre os agentes envolvidos no processo de criação, da revisão dos princípios de planejamento em publicidade e marketing
Auxiliar o gestor em suas decisões estratégicas em relação aos patrocínios

3) Programa:

  1. Conceitos de publicidade, marketing, branding;
  2. Elementos e tipologias em publicidade;
  3. Marketing e patrocínio: uma visão integrativa;
  4. O briefing;
  5. A negociação com empresas contratadas;
  6. Planos e processos de marketing, publicidade e patrocínio;
  7. Gestão da terceirização: como melhor aproveitar contratos e serviços.

4) Benefícios para os participantes:
Maior clareza sobre a gestão da marca na comunicação.

5) Metodologia:
Aula expositiva, estudos de caso, dinâmicas em grupo.

Adquirir módulo

Seminários de Comunicação Pública
Datas: Dias 9 e 16 de outubro de 2021 (sábado), das 14h às 18h (8 horas)
Os encontros serão online, através do ZOOM.
Pedimos, por favor, que baixem o aplicativo gratuito ZOOM em seus computadores, tablets ou celulares – https://zoom.us/download
Cases apresentados pelos alunos do curso e debate. Aberto ao público

Coordenação: Jorge Duarte e Emiliana Pomarico

Adquirir módulo

Horário e local

Os encontros serão online, através do ZOOM. 

Atendimento

Aline Castro
(13) 99163-8970
contato@abcpublica.org.br

Lidiane Minhoto
(11) 5627-9090 Ramal 845
lidiane@aberje.com.br

Emiliana Pomarico
(11) 5627-9090 Ramal 837
emiliana@aberje.com.br

Valores para o programa completo:
Associados: R$ 5.000,00 (associados Aberje e ABCPública) Não associados: R$ 7.500,00
Valores por aulas:
Associados: R$ 880,00 (associados Aberje e ABCPública) Não associados: R$ 1.320,00
Jorge Duarte (curador do programa)

Jornalista, relações-públicas, mestre e doutor em Comunicação. Atua na Embrapa desde 1990, onde é Gerente de Comunicação Estratégica na Secretaria de Inteligência e Relações Estratégicas. Escolhido por profissionais de comunicação organizacional e jornalistas em 2015, 2016 e 2017, um dos cinco Executivos de Comunicação Corporativa do Centro-Oeste. Atuou em jornais e rádios e foi proprietário de agência de comunicação. Durante oito anos (2004-2012) atuou na Secom da Presidência da República, onde foi assessor especial e Diretor do Núcleo de Comunicação Pública. É autor/organizador dos livros “Assessoria de Imprensa e Relacionamento com a Mídia” e “Métodos e Técnicas de Pesquisa em Comunicação”, “Ciência para comunicação, comunicação para ciência”, “No Palácio, com a Imprensa” e “Comunicação Pública: Estado, mercado, sociedade interesse público”. É diretor da Associação Brasileira de Comunicação Pública (ABCPública).

 

   Emiliana Pomarico (curadora do programa)

Relações-públicas pela Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo e tecnóloga em Produção Audiovisual pela Universidade Paulista. É doutora e mestre pelo Programa de Pós-Graduação da ECA-USP (PPGCOM) em Ciências da Comunicação. Trabalha como Gerente Executiva da Escola Aberje de Comunicação na Associação Brasileira de Comunicação Empresarial.

 

   Paulo Nassar (coordenador do programa)

Diretor-Presidente da Aberje – Associação Brasileira de Comunicação Empresarial. Professor titular da Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo (ECA-USP) e pós-doutor pela Libera Università di Lingue e Comunicazione, Milão, Itália. Integra o Programa de Pós-Graduação em Ciências da Comunicação da Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo (PPGCOM-ECA/USP). É Coordenador do Grupo de Estudos de Novas Narrativas (GENN ECA-USP). Autor de inúmeras obras no campo da Comunicação.

 

   Hamilton dos Santos (coordenador do programa)

Diretor-geral da Aberje. Jornalista, graduado e pós-graduado em Filosofia pela USP, com atualização em Gestão de Negócios pela Stanford Global Business School. Atuou nas redações dos principais veículos do país antes de migrar para a área de RH da Editora Abril, onde trabalhou por 20 anos. Atualmente, é diretor geral da Aberje, membro do Conselho de Administração da Poiésis e um dos líderes do Tem Mais Gente Lendo, projeto que incentiva e estimula a leitura em espaços públicos. É também consultor editorial, autor de Lucio Cardoso – Nem Leviano Nem Grave (Editora Brasiliense), O Perigo da Hora (organizador e tradutor- Editora Scritta) e Enfim, Grávidos (Editora Best Seller).

 

   Cláudia Lemos

Atua em comunicação nas organizações há 30 anos. Coordenou equipes de portes variados em instituições públicas, empresas e no terceiro setor. Foi secretária de comunicação social na Procuradoria-Geral da República e no Conselho Nacional do Ministério Público. Também integrou as equipes de comunicação do Supremo Tribunal Federal e da Secretaria de Comunicação da Presidência da República, entre outros trabalhos. É funcionária da Câmara dos Deputados, onde hoje atua na Agência Câmara, como editora, e no Mestrado Profissional em Poder Legislativo, como professora. Jornalista, mestre e doutora em Estudos Literários pela UFMG, foi pesquisadora visitante na Northwestern University, nos Estados Unidos, como bolsista Fulbright. É autora de capítulos de livros técnicos e de artigos publicados em periódicos especializados. Preside a Associação Brasileira de Comunicação Pública (ABCPública).

 

   Vivian Rio Stella

Sócia-fundadora e principal consultora da VRS Cursos, Palestras e Coaching (www.vrscursos.com.br). Professora de cursos de extensão da Unicamp e de disciplinas de graduação na Uniancheta. Ministra cursos, workshops e disciplinas de MBA na Aberje, na Atingire e na Integração Escola de Negócios. Graduada e doutora em Linguística pela Unicamp. Pós-doutora pelo LAEL/PUC-SP e membro do Grupo de Estudos Linguagem, Enunciação e Trabalho. Coach certificada pela Sociedade Brasileira de Coaching e habilitada a aplicar a ferramenta Big Five.

 

   Érica dos Santos Abe

Jornalista formada há 15 anos, com mestrado em Comunicação pela Universidade de Brasília (2018), onde também se tornou especialista em Desenvolvimento Sustentável (2008). Com ampla experiência em ambientes digitais, trabalhou com cobertura em tempo real pelo Correio Braziliense e pelo G1.com.br. Atuou na formulação e reformulação de sites institucionais na Associação Nacional de Procuradores da República e na Confederação Nacional dos Transportes, onde também coordenou equipes multimídia de produção de conteúdo para sites e redes sociais. Na FSB desde 2014, tem ampla experiência na área pública, coordenandode equipe de redes sociais da Secretaria de Aviação Civil da Presidência da República e do Ministério dos Transportes, com resultados expressivos de ampliação de presença digital, incluindo a coordenação de produção de hotsites. Atualmente, é diretora de Estratégia Digital da Vertical Pública da FSB Comunicação em Brasília (DF) e professora de Monitoramento, Métricas e Avaliação na Especialização em Jornalismo Digital do Centro Universitário Iesb.

 

   Armando Medeiros de Faria

Mestre em Ciências da Comunicação pela Universidade de São Paulo. Especialista em Ciência Política pela Universidade Federal de Minas Gerais e pós-graduação em Comunicação Empresarial e Governamental (Fafi-BH). Foi diretor de comunicação e marketing do Banco do Brasil, dirigente do Núcleo de Comunicação Pública da Secretaria de Comunicação da Presidência da República e coordenador de comunicação da Autoridade Pública Olímpica (APO). Lecionou na PUC-MG, Universidade de Brasília (UnB), Universidade Católica de Brasília, Iesb e Uniceb. Autor de diversos textos acadêmicos. É consultor e coordenador de projetos especiais da LS Comunicação, em São Paulo.

 

   Mariana Montoro Jens

Mariana tem Mestrado Profissional em Gestão e Políticas Públicas pela Fundação Getúlio Vargas e é formada em Comunicação Social pela ESPM. Atualmente é Gerente de Relações Institucionais da Fundação Bienal, sendo responsável pela captação de recursos, relações governamentais e parcerias.Foi Coordenadora da Campanha ao Senado da candidata Mara Gabrilli, Coordenadora da Unidade de Marketing da Subsecretaria de Comunicação, Coordenadora da Unidade de Programas para Juventude na Secretaria de Relações Institucionais do Governo do Estado de São Paulo e Diretora de Comunicação e Mobilização Social do Instituto Sou da Paz.

 

   Carlos Netto

Carlos Netto, mestre em História Social (UERJ) e Ciência da Informação (UFRJ). Doutor em Psicologia Organizacional (USP) e Pos-doutorando em Comunicação Social (USP). Professor associado da FIA e Uol EDTech. Dirigente da Inspirartes Cultural, unindo narrativas de comunidades em situação de risco social e nomes de destaque da cultura nacional. Trabalhou durante anos na área de Comunicação Corporativa do Banco do Brasil, sendo diretor por 8 anos.

 

Patrícia Rossini

Doutora em Comunicação pela UFMG, professora e pesquisadora do Departamento de Comunicação e Mídia da Universidade de Liverpool (Reino Unido). Sua pesquisa concentra-se no campo da comunicação política, com ênfase em ambientes de discussão digitais, incivilidade e intolerância online, desinformação política em mídias sociais e no WhatsApp, além de campanhas eleitorais digitais. Seus projetos de pesquisa foram financiados por empresas como Facebook, Twitter e WhatsApp, além da Knight Foundation, nos Estados Unidos. Antes de se afiliar à Universidade de Liverpool, Patrícia foi pesquisadora de pós-doutorado na Universidade de Syracuse (EUA).

Isabel Raupp

Chefe da assessoria de comunicação da Anvisa. Jornalista formada na PUC-RS e radialista. Atuou como locutora de rádio, repórter e apresentadora de telejornais (Rádio Bandeirantes FM, TV Globo, SBT, TV Cultura, TV Brasil). Pós-graduada em Comunicação Organizacional e Relações Governamentais no Canadá. Atuou como assessora de comunicação no Governo do Distrito Federal e foi assessora de Comunicação na Secretaria de Saúde do Estado do Espírito Santo.

Elisa Andries

Jornalista, com mestrado em Saúde Pública pela Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca (ENSP/Fiocruz). Foi assessora de comunicação e coordenadora de Comunicação Institucional da ENSP. Está na Fundação Oswaldo Cruz desde 2002, atuando na comunicação institucional e em projetos de criação e desenvolvimento dos portais da Fiocruz e da ENSP. Começou a carreira nos jornais de bairros de O Globo, passando depois pelas editorias Ciência e Vida, Internacional e Economia. Trabalhou em revistas voltadas para internet (PC World e Internet World) e desenvolveu a revista WebGuide, na Ediouro. Convidada pela TV Globo, trabalhou na criação e no desenvolvimento do portal Globo.com. Também participou da formulação do portal Comunique-se e foi sua primeira editora. Entre outros trabalhos, destacam-se a criação e o desenvolvimento do portal Nós da Comunicação e consultorias para projetos de comunicação do Senac, da Petrobras e da Vale – os dois últimos da agência Casa do Cliente. Na Fiocruz, assumiu a Coordenação de Comunicação Social da Presidência em 2014. Esteve à frente da comunicação em emergências sanitárias desde então, como ebola, zika, chikungunya, febre amarela e, agora, Covid-19.

Emily Gonçalves

Coordenadora de Comunicação da Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo, liderando a gestão da crise da pandemia de COVID-19. Jornalista formada pela Universidade Presbiteriana Mackenzie; especialista em Relações Públicas pela USP; em Marketing Digital pela PUC-RS; e em UI&UX pela Universidade de Artes da Califórnia. Atua há mais de dez anos em Comunicação Pública, com passagem pela Prefeitura de São Paulo e Governo do Estado. Entre os principais cases da carreira estão a pandemia e as epidemias de febre amarela, sarampo, gripe e dengue, entre outros.

Ricardo Azeredo

Coordenador da Assessoria de Imprensa da Secretaria Municipal de Saúde de Porto Alegre. Jornalista, atuou como repórter nas principais emissoras do Rio Grande Sul, principalmente como correspondente da Rede Globo para o sul. Foi presidente da TVE-RS e diretor-geral da Secretaria de Comunicação do Governo do RS. Foi professor de jornalismo, coordenador de redações de TV, consultor de mídia e chefe da produtora de vídeo da Fiergs. Ocupa pela segunda vez o comando da Comunicação da Saúde em Porto Alegre.

Parceiros

Com foco no direito do cidadão à informação, à participação e no dever do Estado de prestar contas de suas ações, foi criada a Associação Brasileira de Comunicação Pública - ABCPública.

Newsletter